11:11
12




Um certa vez , em um relacionamento antigo, durante um momento de intimidade do sofá, estávamos conversando sobre como a vida parece mais difícil para as mulheres e mais fácil para os homens. Que com a sociedade machista como era, tudo para nós era mais fácil. Falou isso no contexto de relações homemXmulher.

Falei para ela que as coisas para os homens não são tããoo fáceis como se imagina. Sugeri a ela uma troca, inversão de papeis: para exemplificar eu seria a garota e ela seria um rapaz, um dog qualquer que tentaria me levar para cama.

Já logo avisei! Eu não seria uma garota fácil, seria sacana, mas fácil não.

Disse a ela que imaginasse a situação:
Estaria eu, a garota indefesa e alvo fácil, sentada num bar café, sozinha numa mesa. Ela, que seria o rapaz, me acharia interessante, gostosa e tentaria uma aproximação, puxar um papo.
Objetivo? Pegar algum dado de contato, qualquer um! Seja MSN, telefone... fui bonzinho. No inicio eu sugeri que ela tentasse me levar pra cama. Mas fiquei com dó. Peguei leve.

Me sentei no sofá, distraído (cena da garota que está na dela). Ela foi até a cozinha e pronto... começou a primeira tentativa dela.

tentativa 1

Ela se aproximou... toda educada... eu olhava para uma revista... ela perguntou se o lugar na mesa estava ocupado e perguntou se podia se sentar para tomar seu café, porque os outros lugares estavam ocupados.

Com um olhar desinteressado e um sorriso amigável respondi que tudo bem, não estava ocupado, que ficasse á vontade.

[eu doido para ver que conversa ela jogaria para cima de mim]

Ela pensativa. Notoriamente procurando alguma coisa para falar para puxar assunto. Eu na minha, a vontade rir pulsando por dentro mas me contive.

Ela pensou... pensou... pensou... se eu tivesse tomando um café de verdade, ele já teria ficado gelado. Até que ela disse:

- Você sempre aqui? (ZERO!!!!! Começou mal!!!! Não vai me levar pra cama não!)

tentativa 2

Eu disse que ás vezes, sem dar muita bola.
Ela pensou... pensou... até que pediu uma sugestão do cardápio. Eu indiquei alguns item do Menu. Ela ficou nisso.

tentativa 3

Ela pensou mais um pouquinho e disse:

Nossa... te achei muito linda (lembre-se, eu fazia o papel da garota, ela do rapaz).
Agradeci com sorriso simpatico.

[pensei... cantada barata! Mas é agora! Ela vai emendar mais um chaveco ! e partir para o ataque]

Ela ficou sem jeito!!!! Pensando no que me diria para me fazer cair na lábia dela ( ou na cena... cair na lábia dele).

Por fim ela explodiu e disse:

Ah!!! VAMOS SAIR????
Nem te conheço! – disse eu todo sério ou séria no caso
Ah... vamos!!! – ela insistiu, no desespero.
Não! Quem é você? Algum tarado??? Se não me deixar em paz vou chamar a segurança!!!
Ai ai... ela desistiu!

Ela disse que não sabia como era difícil se aproximar de alguém que nunca viu antes e puxar conversa como se tivesse a maior intimidade do mundo. Perguntou como fazíamos para chavecar.

Falei: - Mas como tu é ruim de chaveco!!! Se fosse homem morreria virgem! Demos risada. Respondi que era preciso muita cara de pau. Sem isso... o homem morre á mingua com fome!

Ela deu graças á deus por ser mulher e não precisar passar óleo de peroba no rosto todas ás manhãs.

Voltamos aos nossos papeis normais.

12 comentários:

Loira e Morena disse...

Complicado en, eu acho q nao teria muita ideia para um chaveco legal tbm!

Beijaooo da Morena!

Única e Exclusiva disse...

Eh fácil! Eh ser autentico, depois de boas olhadas... e chegar conversando sobre assuntos triviais, depois de perceber a confiança, CREU! rs (To errada?!)

Bjinhos ú&e ;*************

charleauxzinha disse...

Adoreiii o blog!!!

As ideias....muito bem colocadas...
Adoreiii

vou segui-lo!!!

estão de parabénsss...beijãO*

Fernanda! disse...

É por isso q estais nos meus favoritos.

Adorei o texto! Tudo bem colocado.

Bjos de luz!

o casalqseama* disse...

melhor fazerem os papéis reais mesmo...

rsrsrs

talvez, se fosse uma situação real, onde tivesse que cantar um cara, acho que ela se sairia bem... mulheres descoladas sempre conseguem...

eu que cantei meu marido!
\o/\o/\o/\o/\o/

bjão da fê =D

Flores Atiradas disse...

é meu querido Dog, dar cantada não é facil !
vocês homens até que são criativos (as vezes)!
Ah, adorei as calcinhas ali em baixo :D menos o bermudão :~
beeejo lindo :*

Flores Atiradas disse...

Opa, postadissimo já! ehehuiehuieh

beijos querido

Alice disse...

Vc se enquadra na caretgoria de mutas mulheres por ai...acredite!!!

Obrigada pela visita...beijos.

Flores Atiradas disse...

Na pedra sim, aquelas sem musgo ! SRSRS estende a toalha .. ai ai ai !

eu moro no litoral :B mas aqui nada é deserto !

bjs querido

A Madrasta Má disse...

Olá meu querido, tem uma maçãzinha para você..... to esperando lá no blog.... venha morder, porque esta você não tem!!!!! Bjinhos da Madrasta!

gabyshiffer disse...

Pois é
difícil fazer uma cantada né
mas quem sabe...
no lugar dela talvez eu fingisse só estar papeando como amiga...
falaria do tema que vc estava lendo na revista...
comentaria sobre o serviço do lugar...
falaria de coisas triviais
no final diria...
Engraçado, me senti muito a vontade com você, e se vc aceitaria tomar outro café no dia seguinte...
traria um chocolate pra vc de presente...
e com calma iria chegando lá...
sem pressa
:)
Boa tarde pra vc
Beijos na alma!

Thais Puga®. disse...

HAuhauHuhaHAUHahuHAUah ...

Ehh .. acho que também para mulher é mais dificil... até porque quando estamos afim de algum carinha, para não parecermos "atiradinhas" logo pedimos para uma amiga fazer o papel de cupido ... acho que garotas não tem muita aptidão para isso mesmo não ... AHUhauhhHUHAh ..

É, mas homem é bicho perigoso...
bicho perigoso se sai bem nessas situações...

Ótimo blog.
beijos. xD